Publicado em 21/04/2019 às 19h10 | 636 visualizações | |

Policial militar é presa por bater em suspeito de furtos

Segundo a Polícia Militar, policial aparece em um vídeo agredindo um homem após um furto dentro de uma papelaria no bairro Dirceu, Zona Sudeste de Teresina.

Foto: Andrê Nascimento/ G1 PI

 Foto: Andrê Nascimento/ G1 PI

Uma policial militar foi presa administrativamente após o Comando Geral da instituição tomar conhecimento de um vídeo em que ela apareceria agredindo um homem suspeito de furtar uma papelaria no bairro Dirceu, Zona Sudeste de Teresina. Um Inquérito Policial Militar foi aberto para apurar o caso.

Segundo informou a Polícia Militar através de uma nota, a agressão teria acontecido ao meio-dia da última quarta-feira (17), em uma papelaria localizada na Avenida José Francisco Almeida Neto, no bairro Dirceu, Zona Sudeste de Teresina.

A vítima da agressão foi um homem suspeito de cometer furto e ameaçar pessoas dentro da papelaria. Segundo a PM, a agressão foi registrada em vídeo. Um inquérito policial militar foi aberto para apurar o fato.

A policial, que não teve o nome divulgado, foi teve sua prisão cautelar administrativa decretada pelo comandante geral da PM do Piauí.

Leia abaixo a íntegra da nota da Polícia Militar:

A Diretoria de Comunicação Social da Polícia Militar do Piauí informa que o Comandante Geral decretou a Prisão Cautelar Administrativa, de uma Policial, nos termos do artigo 11, parágrafo 2°, do Decreto Estadual n° 3.548/80, em consonância com o disposto no artigo 5°, LXI, da CF/88, ao tomar conhecimento de um vídeo, em que a Policial Militar agrediu fisicamente um Nacional que realizou furtos e ameaças nas dependências da papelaria do Estudante, na Avenida principal do Dirceu Arcoverde II, no dia 17/04/19, por volta das 12 horas.

Além disso, determinou a Corregedoria para Instauração do Inquérito Policial Militar para apurar o fato.

Teresina, 21 de abril de 2019.

Elza Rodrigues Ferreira - TC Diretora de Comunicação Social da PMPI.

Fonte: G1 PI 

Comentários

ATENÇÃO !

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Mais de Geral